Room410*

welcome to my cookie

A música mais triste do mundo, a caminho de Israel?

Uma das minhas cantoras preferidas é uma mulher chamada Ana Moura.  Ana canta o Fado, um estilo de música portuguesa. Na minha opinião, o fado é a música mais triste do mundo. Muitos dizem que o fado é a versão portuguesa do blues americano, embora eu diria que o fado é muito melhor. No Fado, não tem como fugir num ritmo cadenciado para aliviar a dor da música. Você só tem que enfrentá-la e senti-la. E como um amigo meu uma vez brincou: “É bom sentir algo.”

A palavra fado significa destino, e as letras de Fado se tratam do assunto – o mundo sombrio da sorte, as coisas que a vida nos faz, e a maneira em que sobrevivemos. Canções de fado cantam sobre o imenso vazio dos mares, a solidão da cidade,  cigarros apagados e o suicídio. É meu tipo de música.

Quando uns amigos me avisaram que Ana está programada para se apresentar em Tel Aviv em janeiro, meu impulso inicial foi chamá-la imediatamente. “Annie, você está bem?” ou mais direta, “Menina! Você perdeu a cabeça!?” Hoje em dia, alguém decidir fazer um show na Israel é algo para discutir. Minha esperança é que a Ana só não sabe exatamente o quanto ruim os israelenses tratam os palestinos.  Então, de um fadista para outro: Ana não vá! Volte para a luz. Eles não merecem você.

Ouça sua mãe:

As histórias que ouvimos no mundo ocidental são propositalmente enganosas, encorajando o apoio inquestionável para os colonizadores europeus, que a cada dia aterrorizam e humilham mulheres, homens e crianças palestinos. Apenas algumas semanas atrás, enquanto manifestava pacificamente no Nabi Saleh (uma aldeia no West Bank na Palestina) contra a ocupação israelense, Mustafa Tamimi foi baleado diretamente no rosto com uma bomba de gás lacrimogêneo e foi morto. (Esta caixinha provavelmente veio dos EUA, de uma empresa chamada Combined Systems Inc localizada na Pensilvânia. Eles também forneceram o regime egípcio no ano passado com o gás lacrimogêneo usado contra os manifestantes em Tahrir Square.)

Os palestinos têm chamado desde 2004 para os artistas como você para se juntar a eles em boicotar o Estado de Israel. Clique aqui para ler sobre o Boicote Cultural de Israel. Não devemos normalizar a anormalidade, proporcionando entretenimento para uma sociedade cúmplice em apartheid. Faça a coisa certa, Ana!

“Assim como dissemos durante a apartheid que era inadequado para artistas internacionais se apresentarem na África do Sul numa sociedade fundada em leis discriminatórias e exclusividade racial, de modo que também seria errado para Cape Town Opera se apresentarem em Israel.” – Arcebispo Desmond Tutu

O Ireland Palestine Solidairty Campaign também emitiu uma carta aberta a Ana que você pode ler aqui.

E para aqueles que nunca ouviram Ana Moura, desfrute deste clipe.

Se você não seja Ana Moura, por favor siga as instruções abaixo:

Por favor assine esta petição: http://www.change.org/petitions/ana-moura-no-cante-para-o-apartheid-dont-sing-for-apartheid

Ou deixe uma mensagem para Ana em seu site: http://www.anamoura.com.pt/livro-de-visitas/

Ou mande um e-mail a qualquer um das pessoas em sua empresa de gestão: vascosacramento@sonsemtransito.com; inescristovao@sonsemtransito.com; marciacosta@sonsemtransito.com; info@sonsemtransito.com pedindo que ela cancele o seu show em apartheid Israel.

***

Excerto do Sionismo: uma crítica política por Tabitha Petran :

Israel é geralmente visto em países ocidentais como uma pequena nação inocente rodeada por todos os lados por vizinhos árabes hostis; um lugar de refúgio para os judeus perseguidos do mundo. Este mito tem sido propositadamente alimentado pelas forças sionistas, que na verdade criaram o Estado de Israel principalmente através da ocupação militar e a expulsão forçada das massas da população indígena árabe.

Aqui são alguns links com mas informações sobre o boicote:

http://www.palestinalivre.org/node/2155

http://www.orkut.com/CommMsgs?tid=5355066804925034976&cmm=91681812&hl=pt-BR

http://www.litci.org/pt/index.php?option=com_content&view=article&id=2534%3Aboicote-desinvestimento-e-sancao-bds-na-luta-contra-a-ocupacao-sionista&catid=735%3Apalestina&Itemid=78

http://liberdadepalestina.blogspot.com/2010/08/movimento-internacional-bds-boicote.html

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on January 2, 2012 by in Uncategorized and tagged , , , , , , , .
%d bloggers like this: